PUBLICIDADE
Óbito/Jorge Salavisa

PR recorda "professor tão exigente quanto generoso"

28 | 09 | 2020   15.37H

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, enalteceu hoje a memória do bailarino e coreógrafo Jorge Salavisa, recordando-o como um "professor tão exigente quanto generoso" cuja missão de formação nunca seria terminada.

"Despedimo-nos hoje, já com saudade, de um homem invulgar, um bailarino virtuoso, um professor tão exigente quanto generoso, que ajudou a formar e deu palco aos mais talentosos bailarinos portugueses. Elevar o ballet nacional a um nível superior, aberto, tangível, ao alcance de todos: foi este o seu maior propósito - 'um sonho', assim definia Jorge Salavisa a sua missão, nunca impossível, nunca terminada", pode ler-se na mensagem publicada na página da Presidência da República.

O chefe de Estado salienta que recebeu a notícia da morte de Salavisa, hoje, aos 81 anos, com "profunda tristeza" e envia condolências a família e amigos.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE