PUBLICIDADE
OE2021

"A política do insulto ou da criação de casos não mora no BE" -- Catarina Martins

18 | 10 | 2020   20.00H

A coordenadora do BE afirmou hoje que a política do insulto "não mora" no partido e assegurou que um Orçamento do Estado que assegure médicos no SNS, responda aos desempregados e tenha contas rigorosas terá sempre o voto dos bloquistas.

Catarina Martins falava aos jornalistas após uma reunião, em Lisboa, com profissionais de saúde e especialistas, com quem debateu o agravamento da pandemia e as opções do Orçamento do Estado para 2021 para o Serviço Nacional de Saúde (SNS).

"O país está a atravessar um momento muito difícil e eu digo e repito: um orçamento que assegure que há médicos no Serviço Nacional de Saúde, que responda aos desempregados e que tenha contas rigorosas terá sempre o voto do BE. Nunca me desvio do fundamental, que é criar soluções", respondeu, quando questionada sobre as críticas e avisos feitos pelo PS sobre a questão orçamental.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE