PUBLICIDADE
Síria

Governo acusa Israel de atacar escola com míssil

21 | 10 | 2020   09.42H

A Síria acusou hoje Israel de um ataque com míssil a uma escola na província de Quneitra, no sul do país, mas uma organização não-governamental referiu que pessoas ligadas ao grupo Hezbollah e ao Irão estavam no local.

A agência oficial síria SANA informou que o ataque ocorreu na madrugada de hoje contra uma escola na aldeia de Alurryia e que causou apenas danos materiais, atribuindo a ação ao "inimigo israelita", sem fornecer mais detalhes.

"Nos últimos meses, o inimigo israelita lançou vários ataques contra a província de Quneitra visando veículos civis e habitantes de cidades e vilas na zona rural de Quneitra, que acabaram mortos ou ficaram feridos", disse a agência SANA.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE