PUBLICIDADE
Actualidade

EDP desiste da litigância judicial com o Estado sobre a CESE

29 | 10 | 2020   17.27H

A EDP desistiu da litigância judicial com o Estado sobre a contribuição extraordinária sobre o setor energético (CESE), face à crise gerada pela covid-19 e no seguimento da análise da "probabilidade de sucesso" e custos com processos.

"Relativamente à CESE, no contexto da atual crise pandémica e no seguimento da análise periódica da probabilidade de sucesso e custos com processos judiciais em curso, a EDP decidiu desistir da litigância judicial com o Estado Português sobre esta contribuição", lê-se no comunicado enviado pela EDP à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

De acordo com a elétrica, esta decisão não terá impacto nas demonstrações financeiras, sendo o custo associado a esta contribuição contabilizado anualmente e "tendo a EDP todos os respetivos pagamentos em dia".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE