PUBLICIDADE
Covid-19

Sociedade de Oncologia defende teleconsultas no apoio aos doentes

22 | 11 | 2020   11.00H

A Sociedade Portuguesa de Oncologia (SPO) valorizou a aposta na teleconsulta para manter o acompanhamento dos doentes oncológicos no contexto das restrições impostas pela pandemia de covid-19, evitando um adiamento massivo de consultas.

Em entrevista à Lusa, a presidente da SPO, Ana Raimundo, destacou que "menos de 10% das consultas de follow-up foram adiadas".

De acordo com um inquérito aos serviços de oncologia médica de todo o país, apresentado hoje no 17.º Congresso Nacional de Oncologia e que avaliou o impacto inicial da pandemia em Portugal, entre março e abril, quase 60% dos serviços inquiridos "tiveram um crescimento de 30% das teleconsultas face ao volume total".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE