PUBLICIDADE
Actualidade

AG dos advogados para discutir referendo sobre sistema de previdência adiada para janeiro

24 | 11 | 2020   11.46H

A Assembleia-Geral da Ordem dos Advogados, prevista para segunda-feira, e que ia debater um referendo sobre o sistema de previdência, foi hoje adiada para 28 de janeiro de 2021, devido aos problemas sanitários e logísticos criados pela pandemia.

O adiamento da Assembleia Geral (AG) da Ordem dos Advogados (OA), cuja ordem de trabalhos envolvia questões de "extrema importância", incluindo a aprovação do Orçamento para 2021, foi hoje transmitido pelo bastonário, Luís Menezes Leitão, através de um comunicado publicado no 'site' da ordem.

Segundo o bastonário, a OA tem insistido junto das autoridades de saúde para que a reunião magna inicialmente prevista para 30 de novembro possa ser realizada, mas o delegado de Saúde "já inviabilizou a realização da assembleia dos advogados beneficiários da Caixa de Previdência dos Advogados e Solicitadores (CPAS) do passado dia 19 e persiste na sua recusa em dar parecer positivo" para a realização da assembleia na próxima segunda-feira.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE