PUBLICIDADE
Actualidade

Papa critica em livro protestos contra medidas anticovid e elogia liderança das mulheres

24 | 11 | 2020   12.59H

O Papa Francisco critica em livro os que protestam contra as medidas impostas para conter as infeções com o novo coronavírus, incluindo alguns membros da Igreja, e defende que a pandemia foi mais bem conduzida em países liderados por mulheres.

O volume de 150 páginas intitulado "Sonhemos Juntos", que será publicado em várias línguas no início de dezembro, é fruto de longas conversas com a jornalista inglesa Austen Ivereigh.

Nesta publicação, o Papa afirma que "usar, expandir ou redimensionar um infortúnio para se posicionar política ou socialmente é também uma forma séria de abuso que menospreza a dor das vítimas e é igualmente repreensível".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE