PUBLICIDADE
Óbito/Maradona

Fernando Santos diz que se abre "ferida enorme" no futebol mundial

25 | 11 | 2020   18.07H

O selecionador português Fernando Santos afirmou que a morte de Diego Maradona deixa uma "ferida enorme" no futebol mundial, enaltecendo que o argentino foi um dos maiores divulgadores da modalidade.

"O desaparecimento de Maradona é uma ferida enorme que se abre para todo o futebol mundial. Foi um jogador lendário e de um talento ímpar", afirma Fernando Santos, citado pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

O selecionar português lembrou que se encontrou com Diego Armando Maradona diversas vezes e que este tinha uma "personalidade única e marcante".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE