PUBLICIDADE
Actualidade

DGPC assina protocolo para proteger património arqueológico no âmbito da gestão agrícola

04 | 12 | 2020   19.30H

A Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) assinou "um protocolo de entendimento" com organismos estatais de gestão agrícola, visando a "salvaguarda do património arqueológico nacional, no âmbito de projetos agrícolas financiados", anunciou hoje aquele organismo do Ministério da Cultura.

O documento foi assinado com o Instituto de Financiamento de Agricultura e Pescas (IFAP) e a Autoridade de Gestão do Programa de Desenvolvimento Rural do Continente, cuja missão termina este ano, "em estreita colaboração com a Direção Regional de Cultura do Alentejo".

A assinatura deste protocolo, ocorrida na quinta-feira e hoje anunciada, acontece na semana em que a comissão parlamentar de Cultura e Comunicação aprovou um requerimento do Bloco de Esquerda (BE) para ouvir especialistas em Arqueologia, sindicato e associações do setor, sobre "situações de abandono e destruição" de vestígios arqueológicos no Alentejo.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE