PUBLICIDADE
Covid-19

Turismo do Centro quer apoios ao setor para pelo menos dois meses

14 | 01 | 2021   13.09H

O Turismo Centro de Portugal defende que as ajudas à economia do Governo para o novo confinamento devem prever a possibilidade da sua extensão a um período de pelo menos dois meses.

O presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro, Pedro Machado, disse à agência Lusa que, tendo em conta a atual tendência da pandemia da covid-19, "pode-se estar a falar não de 30 dias de confinamento, mas de 60 dias".

Na sua opinião, o novo pacote de medidas de apoio às empresas, em particular às do setor do turismo, deve "antever já a possibilidade da sua extensão" por um período mais longo.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE