PUBLICIDADE
Actualidade

Sindicato dos inspetores do SEF adia greve que estava marcada para sábado

15 | 01 | 2021   08.31H

O Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SCIF/SEF) decidiu adiar a greve agendada para sábado devido às "recentes movimentações do primeiro-ministro" sobre a reestruturação do serviço.

Em comunicado, o Sindicato refere que a greve tinha sido marcada em outubro no âmbito das reivindicações dos inspetores do SEF para o Orçamento de Estado para 2021, entretanto satisfeitas pelo Governo com o recrutamento de novos inspetores e a progressão na carreira de 50 profissionais do serviço de investigação e fiscalização.

"Com o Orçamento de Estado para 2021, ficaram reunidas as condições para desconvocar a greve que, cautelarmente, tínhamos marcado para dia 16 janeiro, uma vez que, em termos financeiros, foram garantidas melhores condições para o SEF cumprir a sua missão", afirma o presidente do SCIF-SEF, citado na nota.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE