PUBLICIDADE
Actualidade

Projeto de Álvaro Siza e Carlos Castanheira na China vence Prémio Edifício do Ano Archdaily

18 | 02 | 2021   16.06H

O Museu de Arte e Educação de Ningbo, na costa leste da China, do arquiteto Álvaro Siza com Carlos Castanheira, venceu o prémio Edifício do Ano 2021, na categoria Arquitetura Cultural, anunciou hoje a plataforma.

O edifício de Álvaro Siza e Carlos Castanheira era finalista, na categoria de Arquitetura Cultural, com o Museu Audemars Piguet, em Le Brassus, na Suíça, o centro chinês de Arte de Qujiang, em Xi'an - Shanxi, o edifício Experimenta, em Heilbronn, na Alemanha, e com o MEETT - Centro de Congressos e Exposições de Toulouse.

A categoria Arquitetura Cultural é uma das 15 que compõem os prémios da plataforma internacional de arquitetura, e o projeto de Álvaro Siza e Carlos Castanheira foi o único de arquitetos portugueses entre os finalistas, nesta edição.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE