PUBLICIDADE
Covid-19

Promotores de espetáculos querem apoios e calendário de eventos "seja ele qual for"

19 | 02 | 2021   17.51H

Os promotores de espetáculos e festivais querem mecanismos de financiamento e cobertura de risco, para fazer face ao impacto da pandemia no setor, e mantêm a esperança num calendário de eventos no verão, "seja ele qual for".

O pedido de medidas específicas é feito pela Associação de Promotores de Espetáculos, Festivais e Eventos (APEFE), numa carta enviada esta semana ao ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, e à ministra da Cultura, Graça Fonseca, com conhecimento do primeiro-ministro.

Na carta, a que a agência Lusa teve acesso, a associação recorda que "esta indústria tem estado praticamente paralisada há 11 meses, e não existem ainda bases sólidas que permitam garantir a sua sustentabilidade".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE