PUBLICIDADE
Clima

Enviado da ONU diz que só quem não tem vergonha pode negar situação atual

23 | 02 | 2021   16.25H

O enviado especial do secretário-geral das Nações Unidas para o Oceano, Peter Thomson, defendeu hoje que só quem não tem vergonha é capaz de negar atualmente os efeitos nefastos do aquecimento global, que se agravarão nos próximos anos.

Ao falar durante uma conferência promovida pelo Clube de Lisboa, o embaixador referiu que, graças aos relatórios dos peritos e aos desastres naturais que estão a afetar a humanidade, começam a conhecer-se as verdadeiras causas do aquecimento global. "Só quem não tem verdadeiramente vergonha é capaz de negar agora a situação difícil em que nos encontramos", disse.

"Se continuarmos no caminho atual, de aquecimento global, ao longo da vida dos nossos filhos e dos nossos netos, os efeitos far-se-ão sentir com crescente frequência e ferocidade", advertiu, ao encerrar uma sessão da conferência "O Oceano que Pertence a Todos", realizada 'online'.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE