PUBLICIDADE
Actualidade

Matosinhos quer manutenção dos postos de trabalho na refinaria da Galp como "plano A"

23 | 02 | 2021   20.09H

A presidente da Câmara Municipal de Matosinhos assumiu hoje querer o "plano A" para os trabalhadores da refinaria da Galp, que deverá encerrar este ano, que passa pela manutenção dos seus vínculos à empresa.

Durante a reunião pública do executivo municipal, via Zoom, Luísa Salgueiro vincou estar solidária com os trabalhadores que não pretendem soluções alternativas, mas sim a manutenção dos seus postos de trabalho.

A autarca revelou que a autarquia reuniu, apenas uma vez, com responsáveis do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) e dos recursos humanos da Galp para a avaliação dos perfis dos atuais funcionários do complexo petroquímico.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE