PUBLICIDADE
Covid-19

Pandemia teve impacto negativo na saúde mental dos jovens portugueses

24 | 02 | 2021   10.37H

A pandemia de covid-19 teve "um significativo impacto negativo na saúde mental dos jovens portugueses, especialmente nos níveis de depressão e de ansiedade", conclui um estudo realizado por uma equipa da Universidade de Coimbra (UC).

Os resultados preliminares da investigação mostram que 14% dos adolescentes, com idades compreendidas entre os 13 e os 16 anos e uma média de idades de 14 anos, apresentam "sintomatologia depressiva elevada (acima do percentil 90) durante a pandemia de covid-19, uma percentagem superior à encontrada num estudo conduzido pela mesma equipa de investigadores durante a crise financeira portuguesa de 2009-2014, que era de 08%", afirma a UC, numa nota enviada hoje à agência Lusa.

Liderado por Ana Paula Matos, da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da UC (FPCEUC), o estudo conta com a colaboração de investigadores das universidades Emory, nos Estados Unidos da América, e da Islândia.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE