PUBLICIDADE
Migrações

Ilibado ativista português acusado de auxílio à imigração ilegal

04 | 03 | 2021   17.09H

O ativista português Miguel Duarte, acusado de auxílio à imigração ilegal pela justiça italiana em 2018 após envolvimento em missões de resgate humanitário no Mediterrâneo, foi esta semana ilibado de todas as acusações, confirmou hoje o próprio à Lusa.

Em declarações à agência Lusa, Miguel Duarte indicou ter sido ilibado pela procuradoria de Trapani, na Sicília, a instância italiana que conduziu a fase de investigação deste processo, agora concluída, que envolveu outros nove arguidos, igualmente ativistas de organizações não-governamentais (ONG).

"Fomos constituídos arguidos em 2018 e o que aconteceu esta semana foi que a investigação foi concluída. Eu, pessoalmente, fui ilibado, mas o caso não acabou", afirmou.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE