PUBLICIDADE
Actualidade

ONU exige fim das detenções arbitrárias na Argélia

05 | 03 | 2021   14.20H

O Alto Comissariado para os Direitos Humanos (ACDH) da ONU exigiu hoje às autoridades argelinas que terminem de imediato a violência contra os manifestantes pacíficos e o fim das detenções arbitrárias.

"Estamos muito preocupados pela deterioração da situação dos direitos humanos na Argélia e pela contínua repressão contra os membros do movimento pró-democrático do 'Hirak'", declarou Rupert Colville, um porta-voz do Alto Comissariado na habitual conferência de imprensa da ONU em Genebra.

O porta-voz aludiu a "relatórios credíveis" que indicam que perto de mil pessoas foram perseguidas por terem participado no movimento do 'Hirak' ou por terem publicando nas redes sociais mensagens críticas face ao Governo.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE