PUBLICIDADE
Actualidade

Jornalista angolano acusado de "ultraje" contra PR angolano queixa-se de "intimidação"

05 | 03 | 2021   16.16H

O jornalista angolano Mariano Brás, que considerou o Presidente angolano como a "pior figura do ano 2020, demagogo e hipócrita", afirmou hoje que está a ser vítima de "intimidação das autoridades", depois de ter sido indicado pelo "crime de injúria"-

"Disseram-se que estou a ser acusado de ofensa à autoridade, ou seja, entenderam que tratar o Presidente da República como demagogo e hipócrita era uma ofensa. O processo está em curso na direcção de Crime Organizado do Serviço de Investigação Criminal (SIC)", afirmou hoje Mariano Brás em declarações à Lusa.

O jornalista disse que, na sequência de uma notificação, foi ouvido uma única vez pelo SIC, em Luanda, no passado dia 12 de fevereiro, num processo, narrou, em que inicialmente aparecia como declarante.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE