PUBLICIDADE
Actualidade

Portugal diz que apoio à Guiné Equatorial será "equacionado" com UE e ONU

08 | 03 | 2021   17.00H

O Governo português disse hoje que o apoio à Guiné Equatorial, na sequência das explosões de domingo em Bata, "será equacionado" em coordenação com as Nações Unidas e a União Europeia.

"O apoio à Guiné Equatorial será equacionado em coordenação com a comunidade internacional, nomeadamente no quadro das Nações Unidas e da União Europeia", disse o Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE), por email, em resposta a uma pergunta da agência Lusa.

De acordo com a mesma informação, o MNE tem "estado a acompanhar a evolução da situação" na Guiné Equatorial, através missão diplomática portuguesa em Malabo, para obter mais informações, "designadamente sobre as necessidades no terreno" após a explosão ocorrida ontem em Bata.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE