PUBLICIDADE
Actualidade

Artista recria a primeira expedição à Serra da Estrela a partir de paisagens sonoras

06 | 04 | 2021   21.39H

(CORREÇÃO NO 6.º PARÁGRAFO) Oliveira do Hospital, Coimbra, 06 abr 2021 (Lusa) - O artista Luís Antero lançou um álbum pela editora francesa Elektramusic, no qual se inspira na primeira expedição científica à Serra da Estrela para fazer uma "representação aural" daquela região e dos sons que teriam sido escutados em 1881.

O trabalho sonoro, intitulado "1881 (pastagens sonoras 7)", é apenas uma de muitas viagens sonoras que Luís Antero, a residir em Oliveira do Hospital, fez até à Serra da Estrela, tendo o artista, nesta viagem, como base, a primeira expedição científica à Serra da Estrela, levada a cabo pela Sociedade de Geographia de Lisboa, contou à agência Lusa o paisagista sonoro.

Ao longo de quase 40 minutos, Luís Antero cria "uma representação aural" assente não apenas no seu conhecimento da Serra, mas 'reimaginando' os sons que os membros da expedição terão eventualmente escutado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE