PUBLICIDADE
Covid-19

ARS-N confirma morte de idosa após vacinação e aguarda autópsia

08 | 04 | 2021   21.41H

Uma mulher, de 61 anos e portadora de doença cardíaca, morreu hoje depois de ter sido vacinada contra a covid-19, revelou a Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N), remetendo informações para após o resultado da autópsia.

"O conselho diretivo da ARS-N confirma o óbito de uma pessoa (...) a ser acompanhada pela equipa de cuidados paliativos do Centro Hospitalar Universitário de São João, EPE, que hoje havia sido vacinada contra a covid-19", refere esta entidade numa resposta enviada à agência Lusa.

Na mesma informação, sem especificar qual a vacina que foi administrada à idosa, é referido que o óbito confirmado é de uma pessoa sexo feminino, de 61 anos de idade, na condição de doente dependente, portadora de doença cardíaca em estado muito avançado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE