Ídolos

Eles já ganharam a guerra das audiências

12 | 02 | 2010   10.58H

Já existem petições para que os patrocinadores declarem vencedores ambos os finalistas. O certo é que faltam pouco mais de 48h para sabermos quem será o novo ídolo de Portugal. Domingo, Diana e Filipe cantam o Amor na final. Na emissão, que tem os GNR como convidados, actuam alguns finalistas. Sob o lema "melhor canção de amor", em Dia dos Namorados, Filipe defende Letting the Cables Sleep, dos Bush, e Diana Lover, You Should've Come Over, Jeff Buckley.

FILIPE

Inscreveu-se por pres-são dos colegas (cursa Engenharia Florestal na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro) e foi logo avisando que estava ali só pela experiência, que só queria saber se tinha potencial e não sagrar-se vencedor de um formato daquele tipo. Os júris quase davam em doidos com a falta de ambição deste talento em bruto, amante de sonoridades mais alternativas como Pearl Jam, Smashing Pumpkins ou Incubus.

O seu casting inicial foi um dos mais vistos no YouTube, em jeito de presságio do histerismo colectivo que depois despertaria, sobretudo entre as adolecentes, à imagem de uns Beatles. Para elas, ele já ganhou. Aos 21 anos, tem ainda o condão de conservar uma humildade artística e humana da qual muitos aspirantes a artistas deveriam comungar.

DIANA

Chegou ao concurso envolta em polémica q.b. Sobrinha por afinidade do presidente do júri, Moura dos Santos, Diana tem outros laços familiares musicais, seja o padrasto Luís Jardim (membro do júri em edições passadas), seja as tias Patrícia (cantora dos Shou) ou Maria João Silveira (apresentadora e cantora). Na fase inicial das galas, correu mesmo o risco de ser eliminada.

A personalidade arisca e as escolhas sonoras pouco populares - é adepta do rock mais pesado, a combinar com a sua alma motard - assim o ditaram. Mas a jovem de 24 anos soube lutar por um lugar ao sol, destilando em cada emissão doses generosas de amplitude vocal e sensualidade. No Facebook tem mais de 100 mil seguidores, os mesmos que sublinham "o animal de palco" que Diana, vencedora ou vencida, já é.

Vera Valadas Ferreira | vferreira@destak.pt
Foto: DR
Eles já ganharam a guerra das audiências | © DR

1 comentário

  • A Diana é semi-profissional porque ja canta à muitos anos em bares, mas nada contra a menina acho que deviam de ir os 2 para Londres assim não se sentiam tão sozinhos e porque tem vozes muito diferentes e estilos diferentes
    Charles | 12.02.2010 | 11.39H
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE