PUBLICIDADE
Basquetebol: Liga

Benfica volta a bater FC Porto (63-53) e distancia-se na final

30 | 05 | 2010   21.24H

Tal como no primeiro “clássico”, ganho pelas “águias” na sexta feira, as duas formações apresentaram-se com preocupações defensivas que, juntamente com o desacerto ofensivo de ambas, provocaram o ligeiro desnível no marcador do primeiro parcial (11-06).

Este humilde registo favorável aos campeões nacionais ficou também a dever-se ao tardio colorir do marcador, alterado pela primeira vez após 2.30 minutos pelo “encarnado” Will Frisby.

Um “triplo” de Diogo Carreira, já no segundo período, destoou numa fase marcada por perdas de bola e lançamentos falhados, empurrando o Benfica para uma vantagem confortável, após concretizações de António Tavares e Heshimu Evans.

Sem reação pareciam estar os comandados de Moncho López, com apenas quatro pontos na metade inicial do segundo período, graças a Greg Stempin e Nuno Marçal, pecando nas transições ofensivas e, sobretudo, na hora de atirar ao cesto.

A fraca performance, de parte a parte, foi notória, com a insonsa vantagem de seis pontos para a formação orientada por Henrique Vieira, no final da primeira parte (23-17).

Passou o intervalo, mas o FC Porto continuou perdulário e permitiu mesmo ao Benfica chegar aos 15 pontos de vantagem (39-24), depois das concretizações de Heshimu Evans e Ben Reed, na linha de lance livre.

Jeremy Hunt ainda esboçou a resposta dos “dragões”, assinando quatro pontos no terceiro período, mas um lançamento de três pontos de João Santos quebrou o ímpeto “azul e branco” e deu uma vantagem confortável para os “encarnados” (43-30).

O quarto período ficou marcado pelo abandono, a 08.47 minutos do final, de Will Frisby, até então o melhor concretizador da partida juntamente com o “dragão” Julian Terrell (10 pontos), com uma lesão no joelho esquerdo.

Nem mesmo conseguindo a melhor prestação parcial (23 pontos), no último período, o FC Porto conseguiu ameaçar o segundo triunfo “encarnado”, reduzindo apenas a vantagem para dez pontos (63-53).

Após o final do encontro, os jogadores de ambas as equipas acabaram por se envolver numa breve escaramuça, levando, inclusivamente, à entrada de vários agentes da PSP no terreno de jogo.

O terceiro encontro da final, entre o Benfica, primeiro classificado na fase regular, e FC Porto, terceiro, está marcado para sexta feira, às 21:30, agora no pavilhão Dragão Caixa, no Porto.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

2 comentários

  • Óh FREDINHO ! ÉS BENFA TENS QUE SER BURRO. NÃO HÁ VOLTA A DAR.
    ORA RELÊ A NOTICIA OUTRA VEZ !
    SATANÁS | 31.05.2010 | 18.22Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • O fc porto bateu?
    Com pedras, isqueiros ou pedras?
    Alfredo | 31.05.2010 | 12.55Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE