PUBLICIDADE
Música

Orquestra do Algarve toca com Mike Patton no Sudoeste

19 | 07 | 2010   17.05H

Mike Patton estará no Sudoeste no dia 08 de agosto com um repertório de música romântica italiana dos anos 1950 e 1960 e contará em palco com um agrupamento de 12 violinistas da Orquestra do Algarve convidados para o concerto.

O músico norte-americano, de 42 anos, está associado a vários projectos na música, dos Faith no More a Fantomas, de Peeping Tom a Mr. Bungle, sendo o mais recente Mondo Cane, onde assume o papel de cantor quase romântico, a interpretar canções italianas de há cinquenta anos.

O álbum "Mondo Cane" foi editado em maio passado e regista gravações de Mike Patton com uma formação de orquestra com mais de 60 elementos, mas a versão que surgirá no Sudoeste será mais reduzida.

Mike Patton canta os temas todos em italiano, língua que domina depois de ter vivido algum tempo em Bolonha, e presta homenagem a artistas como Gino Paoli, Luigi Tenco, Fred Bongusto e, num sentido mais lato, a Ennio Morricone.

Numa entrevista recente à publicação The Vine, a propósito da edição do álbum de estreia, "Mondo Cane", Mike Patton resumiu as composições escolhidas dizendo que falam de "amor e perda, de desgostos amorosos e do triunfo do sofrimento".

"Il cielo in una stanza" e "Dio come ti amo" revelam a veia mais romântica e melodramática de Mike Patton, mas em "Urlo Negro" o músico aproxima a versão das experiências vocais de outros projectos.

O festival Sudoeste decorrerá de 04 a 08 de agosto próximo da Zambujeira do Mar, Odemira.

Mike Patton esteve no início de julho em Portugal com os Faith no More no festival Optimus Alive.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE