PUBLICIDADE
Chile

Igreja suspende padre que terá abusado sexualmente de três menores

07 | 09 | 2010   08.17H

Francisco Valenzuela Sanhueza, padre na localidade de Putaendo, a cerca de 100 quilómetros de Santiago, está em prisão preventiva depois de ter sido acusado sábado de ter abusado de três menores, dois dos quais teriam sido violadas.

O Procurador de San Filipe, Benjamin Santibánez, confirmou domingo que o prelado tinha assumido a autoria dos fatos da acusação que tiveram lugar entre 2002 e 2004.

A investigação do caso demorou cerca de um mês depois da denuncia de uma das três vítimas atualmente com 20 anos de idade.

Alegadamente, o padre aproveitava a confiança que tinha com os pais das vítimas – acólitos na sua igreja – para abusar das, então, menores.

No comunicado, a igreja chilena sustenta que perante os fatos conhecidos decidiu suspender o padre das suas funções de administrador da paróquia, do exercício sacerdotal e abrir uma investigação canónica para apurar o caso.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Fico espantado com estes energúmenos...Padre e Moralista...O mundo está podre...
    18 | 07.09.2010 | 14.14Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE