PUBLICIDADE
Presidenciais

Jerónimo diz que discurso de Cavaco sobre situação do país é "o fado da desgraçadinha"

16 | 01 | 2011   20.49H

No comício da candidatura presidencial de Francisco Lopes, no Campo Pequeno, em Lisboa, o líder comunista, Jerónimo de Sousa, acusou o actual Presidente da República de pretender “pairar acima de uma realidade que ele próprio ajudou a criar, perguntando porque não foram tomadas medidas no tempo certo e qual é a justiça na distribuição dos sacrifícios”, defendendo que Cavaco Silva, em Belém, “deveria ter exigido respostas e tomado as correspondentes medidas”.

“É grande a desfaçatez e o atrevimento de quem sabe o mal que fez”, criticou Jerónimo de Sousa, para quem, em tempo pré-eleitoral, Cavaco Silva, “chora lágrimas de crocodilo pelos atingidos, pelos pobres, os desempregados, os trabalhadores da administração pública”.

Um discurso, acrescentou, “demagógico e hipócrita”, e, no tom irónico que marca muitas das suas intervenções, Jerónimo de Sousa lembrou que Lisboa é a capital do fado.

“Ouvindo este discurso, só falta a viola e a guitarra para cantar o fado da desgraçadinha, quando ele tem responsabilidades directas nessa pobreza, nesse desemprego, nessa exclusão social, nesses cortes dos salários”, criticou.

Jerónimo de Sousa regressará à campanha de Francisco Lopes mais para o final da campanha, participando na tradicional arruada no Chiado, na quinta-feira, antes de um comício em Almada.

No último dia de campanha, o secretário-geral comunista volta a acompanhar o candidato presidencial numa arruada no Porto e no comício de encerramento da campanha, em Guimarães.

Foto: José Coelho/Lusa
Jerónimo diz que discurso de Cavaco sobre situação do país é "o fado da desgraçadinha" | © José Coelho/Lusa

7 comentários

  • Nãaa! Eu acho que é o fado da mamazinha!
    porra! | 17.01.2011 | 16.33Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Esatvamos todos feitos ao bife com estes tipos no Governo!! Eles ainda andam no século passado e dormem com o Capital à travesseira. Pararam no tempo coitados, mas infelizmente ainda há uns quantos, desgraçados (ou oportunistas como eles) que pensam da mesma forma e vão adornando o cortejo coitados...
    Jorge Manuel | 17.01.2011 | 16.31Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • No campo pequeno, estão no sítio certo, tudo isto afinal não passa de uma tourada...
    fzappa | 17.01.2011 | 12.28Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Meus caros . . . !
    O melhor a fazer, no meio desta "amargura", é prepararem as "malguinhas" . . . !
    Bem limpinhas e preparadas para receber a "caldeirada" . . . !
    alexandre barreira | 17.01.2011 | 09.01Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Eles; Comunistas sabem que se tocar a rebate...nem sabem onde se meterem... Já foi assim...embora mais com Franco que com Salazar... Pelo que oiço as memórias andam meio baralhadas...? Já tenho saudades de CUNHAL...? Realmente não ter BERÇO...é uma caca...mas eles não sabem e apertar parafusos não dá literacia...!
    Reprise | 17.01.2011 | 02.27Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • quero dizer com toda a verdade, que nada me move contra engenheiros ou doutores, para defender a minha ideia o meu ponto de vista, mas não é menos verdade que têm sido as pessoas com formação superior, que com a sua incompetência ou maldade, têm encravado a vida da maioria dos portugueses. Chegou a hora de mudar a agulha e, meter - mos o pais num caminho de progresso num rumo de verdade e de honestidade política. Está nas nossas mãos, de mudar o actual palco das carpideiras, está nas nossas mãos tirar do poder quem passa desde à 35 anos todo o tempo a enganar - nos, a roubar - nos o direito a ter - mos uma vida digna. por tudo isto no dia 23 vamos votar(FRANCISCO LOPES). EU VOTO FRANCISCO LOPES.
    joaquim antónio rodrigues | 16.01.2011 | 21.38Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Ameaçou fuzilar os Portugueses no Campo Pequeno em Lisboa em Junho de 1975 e passou cerca de mil mandatos de prisão EM BRANCO ao cuidado de Álvaro Cunhal para que o PCP (Partido Comunista Português) aprisiona-se quem quer que fosse, sem qualquer justificação!!!!
    MEMÓRIA DE ELEFANTE | 16.01.2011 | 20.56Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE