PUBLICIDADE
Ourém

Homem morto há uma semana encontrado no seu apartamento

14 | 02 | 2011   21.43H

José Martins, que foi chamado ao local pela PSP, adiantou que o homem, que “estava provavelmente morto há uma semana”, encontrava-se “caído no seu quarto e não há indícios de crime”.

O homem, natural de Ponta Delgada, Açores, vivia sozinho num apartamento no rés do chão e “não era visto há vários dias pelos vizinhos”, afirmou o médico de saúde pública.

Segundo a autoridade de saúde, no local “não cheirava demasiado mal”, salientando que “o tempo também não ajuda a que isso aconteça devido ao facto de estar bastante frio”.

José Martins esclareceu que o homem, solteiro, “terá filhos” e “morava há pouco tempo na cidade de Ourém”.

Fonte da PSP explicou que foi uma vizinha, que estranhou a ausência prolongada do homem, que se deslocou, por volta do meio dia, à esquadra da PSP.

“A senhora tinha a chave do apartamento, mas não queria ir lá sozinha e pediu à PSP”, referiu a mesma fonte.

O corpo foi transportado para o Gabinete Médico-Legal de Tomar.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

6 comentários

  • claro agora começam a aparecer os casos, a polícia está a gora que ficou á mostra o escandalo de apenas servir para multas, estão a desenterrar as queixas, para se limparem e os resultados estão a aparecer.
    Foi preciso bronca, para mostrar, que a polícia só serve para a caça á multa.
    Humberto Lopes | 15.02.2011 | 17.34Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • pobre de quem morre solitario anda uma pessoa a criar os filhos com tanto sofrimento e depois nao querem saber dos pais, é triste...
    Maria | 15.02.2011 | 15.01Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • 15.02.2011 | 10.35Hcomentário reprovado
  • Morreu onde morava, filhos? Acontece. Antes aí que atropelado. Paciência.
    WebNot | 15.02.2011 | 07.34Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Boa malha, ZÉ DA BURRA . . . !
    E que tal . . . !
    Um "Big Brother" só com velhinhos(as) . . . !
    Era vê-los cair um a um . . . !
    E quem se aguentasse até ao fim . . . !
    Era-lhe dado um "galão" com umas torradas . . . !
    Seria um delírio . . . !
    E as audiências . . . !
    Um "estrondo" . . . !
    alexandre barreira | 15.02.2011 | 07.32Hver comentário denunciado
  • Anda aí uma morrinha nos idosos...vai lá vai....até as barracas abanam....Quem esfrega as mãos de contente são as agências funerárias e a Segurança Social!.....Com a desgraça de uns lucram os outros...
    Se aquela idosa de Rio de Mouro não tivesse dado a bronca que deu,muitos destes idosos mortos,dos últimos dias só daqui a alguns anos....iriam ser encontrados!Coitados destes velhos passam tanta fome antes de morrer,que estão só pele e osso,e por isso mesmo nem cheiram mal quando estão mortos....são autenticas múmias....ressequidas!
    A TVI qualquer dia está aí a fazer umas telenovelas a explorar este filão dos velhinhos solitários mortos e abandonados....Também para viver em Portugal com pensões de reforma de miséria,antes a morte...que tal sorte!....
    zé da burra | 15.02.2011 | 00.15Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE