PUBLICIDADE
Energia

Vieira da Silva fala hoje na AR sobre Galp e preço dos combustíveis

29 | 03 | 2011   07.44H

O ministro da Economia, Vieira da Silva, vai ser hoje ouvido na Comissão de Assuntos Económicos, Inovação e Energia em resposta um requerimento do PCP sobre a situação financeira da Galp e o aumento do preço dos combustíveis.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

Na sequência da proposta do PCP, aprovada por unanimidade, os partidos querem ouvir o ministro Vieira da Silva sobre os sucessivos aumentos do preço dos combustíveis e questioná-lo sobre os lucros da Galp que, segundo os comunistas, ultrapassaram os 600 milhões de euros em 2010.

"Após um ano (2010) de grandes dificuldades económicas e sacrifícios para os portugueses e para as empresas do setor não financeiro, a Galp acabou de divulgar o Relatório do 4.º trimestre, tendo os lucros atingido o valor recorde de 611 milhões de euros (...). É difícil desligar esses resultados dos preços praticados pela Galp no bem essencial, que são os combustíveis líquidos, gasolina e gasóleo", refere o grupo parlamentar do PCP no requerimento.

O documento acrescenta ainda que “conhecida a impotência da Autoridade da Concorrência para resolver o problema, é necessário ouvir a opinião do Governo e as medidas que tem em curso para responder aos preços especulativos dos combustíveis".

A 11 de fevereiro, a petrolífera comunicou à Comissão do Mercado de valores Mobiliários (CMVM) que o lucro da Galp Energia aumentou 43 por cento em 2010 face a 2009, atingindo os 306 milhões de euros, abaixo do valor apontado pelo PCP.

De salientar que preço da gasolina nas bombas portuguesas voltou a subir na segunda-feira. O preço da gasolina na Galp aumentou 2,5 cêntimos. Nos postos da petrolífera nacional, um litro de gasolina custa, agora, 1,58 euros, enquanto o gasóleo ficou inalterado nos 1,43 euros.

O titular da pasta da Economia é ouvido uma semana depois de Abel Mateus, antigo presidente da Autoridade da Concorrência, que também foi chamado para explicar as declarações em que defendeu a inação do Governo na promoção da concorrência no setor energético.

Saiba mais sobre:
Foto: Miguel A Lopes/Lusa
Vieira da Silva fala hoje na AR sobre Galp e preço dos combustíveis | © Miguel A Lopes/Lusa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE