PUBLICIDADE
Líbia

NATO terá um representante em Benghazi

26 | 04 | 2011   20.45H

A NATO pretende ter um representante na cidade de Benghazi, o bastião da insurreição líbia, para estabelecer contactos políticos com a oposição ao regime do líder líbio Muammar Kadhafi, divulgou hoje uma porta-voz da organização.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

“A NATO está a planear a criação de um ponto de contacto civil em Benghazi (leste)”, de forma “a melhorar e reforçar os contactos políticos com o Conselho Nacional de Transição”, afirmou uma porta-voz da Aliança Atlântica em Bruxelas, Carmen Romero, em declarações à agência noticiosa francesa AFP.

A mesma representante recordou que o secretário-geral da NATO, Anders Fogh Rasmussen, reuniu-se com o responsável pela área dos negócios estrangeiros do Conselho, Ali al-Issaoui, durante o encontro do Grupo de contacto para a Líbia, que decorreu no passado dia 13 de Abril em Doha, Qatar.

Os “moldes exactos” desta representação da NATO em Benghazi continuam “por determinar”, concluiu a porta-voz.

Saiba mais sobre:
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE