PUBLICIDADE
OPINIÃO

Conspiração

13 | 07 | 2011   18.36H
João César das Neves | naohaalmocosgratis@ucp.pt

Cada vez mais vozes denunciam a verdadeira razão da crise da dívida europeia. Afinal não se trata de despesismo de gregos, irlandeses e portugueses. Os enormes défices orçamentais são apenas detalhes e o endividamento insustentável, consequência de décadas de erros e abusos, não tem nada a ver com a questão.

Tudo não passa de meros pretextos para ocultar a suprema conspiração. É preciso ser cego, dizem, para não ver que isto é um ataque descarado, primeiro ao euro e depois à União Europeia. Os instrumentos são os bancos e as agências de rating, em nome dos famigerados mercados, que tudo devoram e nada respeitam.

Confesso que a minha limitada inteligência não consegue acompanhar elucubrações tão elevadas e complexas. Por isso fico silencioso perante os majestosos raciocínios. Permito-me apenas uma perguntinha: quem ganharia com a derrocada do euro e da UE?

Uma coisa dessas criaria um terramoto financeiro muito mais grave que a falência do Lehman Brothers. Os bancos teriam perdas enormes e os mercados volatilidade explosiva. Além do campo financeiro, a queda afectaria a produção de toda a economia europeia, provocando uma brutal recessão que, dado o nível de integração mundial, se espalharia pelo planeta. Só um arqui-terrorista ou um super-vilão de cinema, interessado na miséria global, poderia querer provocar uma coisa dessas.

Sem ofender tão eminentes analistas, parece-me que a outra explicação, a da dívida irresponsável e dos credores com medo compreensível de perder os seus empréstimos, é bastante mais plausível.

© Destak

10 comentários

  • Ò JM, já que é tão inteligente, explique lá como é que da falência da Lehman Brothers passámos à divida soberana na zona euro?
    Não é preciso ser economista para lá chegar ...
    the bright side of life | 15.07.2011 | 17.03Hver comentário denunciado
  • E que tal concluir que não são uns (políticos incompetentes e corruptos) nem outros (vorazes mercados)? São AMBOS!
    Jorge Ferreira | 15.07.2011 | 09.30Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Não é preciso tirar um curso de ecconomia para entender tão elementar verdade: o despesismo, a dívida e o crédito desenfreado, levaram à crise de países quem são pequenas economias e não têm massa crítica para viver durante tantos anos muito acima das suas possibilidades. Caro João César, não se rale que um dia eles acabarão por perceber.
    JM | 15.07.2011 | 00.28Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Oh Pedro Miguel Silva essa dos políticos já está gasta. Porque é que não vai para lá você ??? Implemente as suas ideias.
    fsimoes | 14.07.2011 | 13.28Hver comentário denunciado
  • PORQUÊ OS POLITICOS GANHAM MUITO DINHEIROS QUE AINDA RECEBEM REFORMAS MILIONÁRIAS? É VERGONHA!!! OS POLITICOS SÃO GRANDES LADROES!!! PORQUÊ NÃO CORTE AS REFORMAS MILIONÁRIAS PARA SALVER O NOSSO QUERIDO PAÍS? MAS EU SEI QUE OS POLITICOS SAO MUITO EGOISTAS!!! F*** DE F****
    Pedro Miguel Silva | 14.07.2011 | 12.32Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Esta ideia (subjacente neste artigo) de que os mercados são uma entidade abstracta com uma actividade própria e incontrolável, é das coisas mais inqualificáveis que já li.
    é que nem merece resposta | 14.07.2011 | 12.21Hver comentário denunciado
  • Pouco importa aqui, discutir o segredos dos anjos!!!
    A perder e assim vão continuar toda a sua vida, são os Povos e Nações k continuam a ser (des)governados por corruptos, Mercados Financeiros ficticios, onde circulam papeis sem qualquer valor comercial, senão apenas para quem os coloca na berlinda da exploração do homem pelo homem!!!
    Os Povos limitam-se à subjugação e ao silêncio e estes parasitas ñ param com as politicas de exploração e de escravatura, neste Século XXI da modernidade e das ditas Novas Tecnologias, como eles chamam aos roubos k fazem!!!
    Enfim!!! Vivemos num Mundo Cão e numa Sociedade podre sem futuro e sem retorno!!
    Jorge Towers Lx | 14.07.2011 | 11.24Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Doutor, ainda o hei-de ver a contradizer-se, mais uma de tantas vezes. Na verdade, é o Euro que está em causa, não duvide dessa. A economia americana assentava, fundamentalmente, no valor de referência do dólar. Então desde a criação do Euro, o dólar deixou de ter a influência que tinha e o domínio sobre todas as moedas e, paralelamente, a economia americana começou a afundar-se. Não sei mais que lhe diga ou lhe ensine.
    FIFI | 14.07.2011 | 11.00Hver comentário denunciado
  • Caro João César das Neves, quem ganharia? Valha-lhe Deus, homem! Pergunte-se antes quem sobreviveria, e vai ver que seria quem possui em seu poder a coisa mais valiosa do mundo (o ouro) e as armas mais poderosas do mundo (?). Os conspiradores é que ganhariam, é claro, e todos os outros seriam levados à miséria, e se possível provocadas guerras entre eles. Não quer estudar a história do século XX pelo menos? E faça pelo menos Google "Georgia Guidestones".
    Georgia Guidestones | 14.07.2011 | 10.03Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Caro JCN . . . !
    Confessas e bem . . . !
    Mas não te "rales" . . . !
    Agarra-te à "malguinha" . . . !
    E não saias da "fila" . . . ! ! !
    alexandre barreira | 14.07.2011 | 06.55Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE