PUBLICIDADE
D'ALÉM-MÁRVIO

O fora da lei que quer recorrer à Justiça

30 | 10 | 2012   19.23H
Márvio dos Anjos | marviodosanjos@gmail.com

Futebol tem lances polêmicos, mas alguns são realmente dignos de tratados de Direito. No último sábado, num jogo entre o Palmeiras, de São Paulo, e Internacional, de Porto Alegre, tivemos o primeiro gol de mão mal anulado da história. 

Num escanteio, o atacante argentino Barcos, do Palmeiras, pulou entre vários rivais e, com o braço, desviou a bola. Seria o empate em 2 a 2, ponto precioso para um time que tenta escapar de cair à Série B Nacional, a cinco rodadas do fim. O árbitro Francisco Carlos Nascimento, ludibriado, confirmou o gol.

Iniciou-se a reclamação dos jogadores do Inter, que cercaram o árbitro. Após seis minutos, ele invalidou o lance. Ao que tudo indica, chegou-lhe por meio de rádio passado pelo quarto árbitro a informação de que havia sido ilegal.

Desta vez, foram os palmeirenses que se revoltaram. Tudo porque, ao que tudo indica, o delegado arbitral Gerson Paluta (espécie de supervisor) teria visto o lance num monitor de TV e comunicado ao quarto árbitro a ilegalidade. O uso de imagens televisivas é vedado aos juízes, segundo na Fifa. Assim, a arbitragem teria deliberadamente contrariado regras do jogo, o que configura erro de direito – e pode anular o resultado, segundo o Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

O Palmeiras agora pretende levar o caso ao tribunal desportivo do país, a fim de anular o jogo, com base na tese de que seu gol ilegal deveria ter sido validado. Seus dirigentes, ao que parece, não se deram conta desse ridículo de lutar, a qualquer custo, por vantagem.

O clube é vítima, mas não como imagina. Se houve interferência externa, deve ser denunciada, porque é ilegal. É como obter provas de culpa de alguém usando escutas clandestinas em seu telemóvel. Mas tentar anular o placar para ter o gol de mão soa a um ladrão sem respeito ao código de ética da sua própria classe. Fora da lei tem que ficar fora da lei.

Márvio dos Anjos

3 comentários

  • Ò Márvio, conte lá prá xentxe, quem são os amigos do Relvas no Brasiu ... deve ser uma barra pesada né?
    anónimo | 02.11.2012 | 00.59Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Está lindo, está . . . ! Até já . . . ! Mete "malguinhas" . . . ! Do "morro do tijuca" . . . ! ! !
    alexandre barreira | 31.10.2012 | 15.14Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Tem toda a razão, mas o que é que eu tenho a ver com isso? Ô Destak não encontra ninguém para fazer crónicas ou comentários no seu jornal aqui um bocadinho mais perto?
    anónimo | 31.10.2012 | 09.27Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE