OPINIÃO

Até mais ver, Obama!

17 | 01 | 2017   23.05H
Eduardo Vítor Rodrigues (Presidente da Câmara de V. N. Gaia)
Faltam poucos dias para Donald Trump substituir Barack Obama na presidência da maior democracia do mundo. É o momento de nos despedirmos de oito anos de um presidente que não fez tudo totalmente bem, mas que contribuiu com o seu estilo e com as suas palavras e ações para um mundo melhor. Até mais ver, Obama! Tudo começou e terminou em Chicago, onde escolheu fazer os seus discursos de nomeação e de despedida por ser a cidade onde iniciou a carreira política. Senhor de discursos marcantes, Obama mostrou-se simples e direto, mas de profundos valores e princípios. Dizia no seu discurso de nomeação: «Neste dia, unimo-nos porque escolhemos a esperança e não o medo, a unidade de objetivos e não o conflito e a discórdia.» Um discurso genuíno; ninguém fala assim se não acreditar fortemente, se não for esse o seu verdadeiro ideário. Barack Obama marcou um modelo de presidência e uma época de políticas. O 44º presidente dos Estados Unidos é uma figura marcante, humilde, sensata e empenhada num mundo melhor. Esperemos que, no seu estilo inconfundível, Donald Trump respeite o legado deixado por oito anos de Obama à frente dos destinos da América. Deixo-vos com palavras suas proferidas no discurso de despedida: «Foi nestas ruas que testemunhei o poder da fé e a dignidade discreta de pessoas trabalhadoras, apesar das dificuldades e da derrota. Foi aqui que aprendi que a transformação só acontece quando pessoas comuns se envolvem, se comprometem e se unem para reivindicá-la.» «A democracia pode cambalear quando entregue ao medo.» Obama faz este aviso à navegação. Esperemos que os próximos tempos nos tragam democracias tão sólidas quanto a firmeza do presidente que agora se despede de nós. Até mais ver, Sr. Presidente!
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE