OPINIÃO

Investir de forma inteligente

06 | 06 | 2017   22.10H
Eduardo Vítor Rodrigues (Presidente da Câmara de V. N. Gaia)
Hoje, venho falar-vos de investimento. É preciso manter este ciclo de crescimento económico que o país atravessa, através de um pensamento muito preciso e ponderado nos investimentos a realizar. António Costa afirmava, em Gaia, no último sábado, que está na altura de fazer os “investimentos certos, para romper de vez com o período de crise, entrando num longo período de convergência com a União Europeia”. É preciso manter o país competitivo para atrair empresas, através de uma forte acentuação da diversificação económica. É preciso, sobretudo, que este ciclo económico não seja centrado na competitividade pelos baixos salários mas na criação de emprego com remunerações dignas. Compete ao Governo eliminar os bloqueios estruturais que subsistam e as autarquias devem seguir o mesmo caminho, criando um ecossistema favorável ao empreendedorismo mas não baseado na especulação e que assuma padrões europeus elevados de respeito pelas pessoas, ajudando a construir um país melhor para todos. É dentro desta abordagem que o Município de Gaia lançou a segunda fase do Quadro de Investimento Inteligente, através do Programa Go.On Invest Gaia. Promover o empreendedorismo, apoiar o desenvolvimento de projetos empresariais e disponibilizar meios para acelerar a sua execução são alguns dos objetivos. Tenho dito muitas vezes que me interessava “Poupar na Câmara para investir na cidade”. Com um rigor sem precedentes na gestão do Município, é agora possível investir naquilo que mais importa para a construção de um melhor futuro para os gaienses e contribuir para a performance económica do nosso país.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE