OPINIÃO

Lisboa, Capital Europeia do Desporto 2021

29 | 11 | 2017   18.15H
Duarte Cordeiro (Vice-Presidente da Câmara de Lisboa)
O comité da European Capitals and Cities of Sport Federation (ACES Europe) decidiu atribuir a distinção de Capital Europeia do Desporto a Lisboa para o ano de 2021. Esta distinção, que existe desde 2001, é atribuída a cidades europeias com mais de 500 mil habitantes e é a primeira vez que uma cidade portuguesa é escolhida. Uma feliz decisão que vem premiar o sólido percurso da cidade em matérias relacionadas com a atividade física e desportiva, com destaque para programas municipais como a natação escolar (que abrange cerca de 12 mil participantes), as olissipíadas (com cerca de 14 mil participantes) ou os clubes do mar (com mil participantes); a incontestável requalificação das infraestruturas desportivas da cidade e a enorme atratividade de Lisboa na realização de grandes eventos internacionais – que o ISCTE estimou terem contribuído, nos últimos anos, em mais de 100 milhões de euros para a economia da cidade. Além do prémio, esta distinção representa uma enorme responsabilidade. Lisboa assumiu o compromisso de consolidar a promoção e a prática desportiva, desde logo com a criação de programas dirigidos às faixas etárias da população menos ativas, com a atração de um maior número de eventos de natureza internacional e com o reforço das infraestruturas, estando já pensados investimentos de 26 milhões de euros por toda a cidade. A vitória desta candidatura, com um conjunto de embaixadores de excelência, é fruto de um trabalho conjunto da Câmara Municipal de Lisboa com as Juntas de Freguesia, clubes da cidade, federações desportivas, Comité Olímpico de Portugal e Comité Paralímpico de Portugal. Esta é uma vitória do desporto, de todos os praticantes, de todos os lisboetas, mas também, de todos os portugueses.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE