PUBLICIDADE
OPINIÃO

Parque Biológico: um convite irrecusável

16 | 07 | 2019   22.49H
Eduardo Vítor Rodrigues (Presidente da Câmara de V. N. Gaia)
Estamos num período de férias para muitas famílias e, como tal, serão, certamente, muitos os planos que se fazem para passar um tempo mais dedicado aos nossos, para descansar e para organizar experiências únicas. A verdade é que, nos dias de hoje, os cidadãos enfrentam rigorosos desafios que lhes são colocados pelo mercado de trabalho (entre outros), elevando os seus níveis de ansiedade e de angústia. Torna-se, nessa medida, essencial uma correta e articulada simbiose entre os exigentes períodos de trabalho e os necessários e imprescindíveis momentos de lazer. O Parque Biológico de Gaia é, por isso, um espaço que nos convida a parar. A ‘dois passos’ do centro urbano, nesta pequena reserva natural somos conduzidos a um envolvimento total com a natureza, ao longo de 35 hectares, onde vivem em estado selvagem centenas de espécies de animais e plantas. Mais do que isso, a afirmação do papel de espaços e recursos já legitimados, como é o caso do Parque Biológico, torna-se decisiva, sobretudo pela defesa do papel da educação ambiental que temos priorizado através de um programa articulado com os agrupamentos e escolas de Vila Nova de Gaia. Não faltam, por isso, motivos para juntar a sua família e passar um dia inesquecível. Aliás, recorde-se que, no ano passado, o Parque Biológico foi escolhido pelas famílias portuguesas como um dos melhores espaços para fazer atividades de fim de semana, de acordo com os Pumpkin Awards. Aqui, “mais importante do que aprender o nome das árvores ou das aves, é perceber o contraste, largar a estrada e entrar nos caminhos, deixar para trás o barulho dos carros e ouvir os pássaros e o marulhar do rio Febros”, pode ler-se na nota do site. Ainda não está convencido? Visite e veja por si.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE