PUBLICIDADE
OPINIÃO

Os carros novos do governo

20 | 07 | 2010   21.26H
José Luís Seixas

Noticiou-se que o Estado acaba de adquirir 922 automóveis novos. Não conheço a verdade da afirmação nem a natureza dos contratos subjacentes. Admito até que se trata de substituições decorrentes de leasings ou que haja motivos atendíveis para comportamento tão insólito.

O que me inquieta é perceber que a Administração, designadamente o Governo, não respeita a profunda angústia e sofrimento dos cidadãos, assolados como estão por uma carga fiscal inaudita e confrontados com um futuro sombrio.

À classe média o Estado recomenda poupança e contenção. E esmifra-a com impostos sobre o tudo e sobre o nada. Mas o próprio Estado e os seus dignitários não abdicam de nenhuma mordomia.

Desafio a que alguém me explique o que justifica um membro do Governo dispor de dois – dois – automóveis, sendo um para o serviço oficial e outro para uso particular. Ambos do Estado, pagos pelo Estado, abastecidos pelo Estado. Pois é.

Ministro ou secretário de Estado tem dois carros pagos por nós para se locomoverem. Um durante a semana; outro ao fim de semana. Em Inglaterra, o primeiro-ministro, David Cameron, impôs que os membros do gabinete se deslocassem em transportes públicos. Mas isso é na Velha Albion e com um governo conservador.

Em Portugal, a esquerda de Sócrates gosta da comodidade e acha que dar o exemplo é uma manobra demagógica e eleitoralista. E este tipo de atitudes, todas elas – e muitas são – somadas fazem crescer a dívida corrente primária do Estado que o contribuinte vai sustentando…!

© Destak

18 comentários

  • Não é a FROTA que precisa de ser renovada...mas os "FROTADOS" ...Nunca peças a quem pediu ou sirvas a quem serviu... Há décadas que oiço isto...? Em casa de Ferreiro espeto de Pau...era no tempo do saudoso SALAZAR... Ando no mesmo popó faz 26 anos e é só dar à chave...? Por isso pqp
    Phodinhas | 03.09.2010 | 15.07Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Meu Caro Zé Luis: Só agora vi esta sua opinião sobre: Os carros novos do governo. Como é bom ver que a opinião não muda com o tempo....! Carros só em representação oficial e então televisão nem pensar no Gabinete...! ....No Gabinete trabalha-se....! Parabéns pela coerência eterna.!
    Isabel Maria Fernandes Homem | 01.08.2010 | 14.19Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Por muito menos mataram um Rei e um Príncipe herdeiro! Mas, estes senhores da dita República fazem o que querem e ainda exigem mais e todos aplaudem!
    ... | 28.07.2010 | 18.12Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Eu resido num município do norte aonde grande parte dos cabecilhas tinham o 9º ano quando e poucos o 12º ano,agora são todos doutores de fim de semana sem nunca frequentarem uma universidade, e com respeito a viaturas de serviço e motorista até o funcionário que anda pelas aldeias a contar a água tem carro de serviço e (motorista) chama-se a isto Portugal dos pequeninos. e da decadência.
    barbarrussa | 23.07.2010 | 21.19Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Meus caros, no fundo, no fundo . . . é só inveja por não terem um carro novo . . . !
    alexandre barreira | 23.07.2010 | 14.15Hver comentário denunciado
  • Quando oiço o Almeida Santos falar com a comunicação social e dizer e cito:"Temos bons hospitais particulares, bons médicos privados" - só se for para a carteira dele porque outros tantos milhares, nem dinheiro tem para comprar medicamentos.Agora são os 2 automóveis pagos com o sacrifício de milhares para uns tantos "gozarem" de mais mordomias.Convençam-se portugueses, estamos a ser "gozados" por um grupo de pessoas sem quaisquer tipo de escrúpulos!
    AJS | 23.07.2010 | 06.45Hver comentário denunciado
  • No País dos bananas já nada admira. Medina Carreira ao Poder já!
    Milhazes | 23.07.2010 | 00.27Hver comentário denunciado
  • Sr. José Luís Seixas o Senhor descobre coisas do arco-da-velha. Com que então não bastavam submarinos, agora são os carros do Estado. E depois? São os aviões para os representantes da república? Que mais irá o senhor descobrir? Olhe que isto é gente acima de qualquer suspeita, gente impoluta, digna e trabalhadora, uns verdadeiros mãos-de-vaca no que respeita a despesismos e uns verdadeiros exemplos de cidadania. Tenha muito cuidado, mas mesmo muito, com essa atoardas porque pode ir preso…
    CD | 22.07.2010 | 17.56Hver comentário denunciado
  • Carros Novos Do Governo ou para os serviços Publicos esses sim necessitam de carros novos Como a Policia Bombeiros etc. Os Governantes não nem os administradores das empresas Púlicas fiquem com os carros de grande cilindrada penhorados O MF ganhava muito mais
    João | 22.07.2010 | 15.49Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Ainda ontem partilhei o metro com o anónimo cidadão António Costa, a caminho, presumo, da CML, aonde se transformaria em Ex.mo Sr. Presidente. Um exemplo a seguir, penso eu.
    Pedro | 22.07.2010 | 15.07Hver comentário denunciado
  • Estas mordomias e outras têm de acabar. A actual situação económica e financeira do país exige uma forte diminuição/contenção da despesa pública corrente. Estado e Autarquias têm de cumprir este objectivo nos próximos anos.Há que evitar a compra de mais viaturas ligeiras, para uso exclusivo e também de serviço. Reclassificar os seus motoristas ou redistribu´-los para outras tarefas, se possível na mesma função (Creches/Infantários/Escolas/Centros de saúde e hospitalares, etc.). Nas autarquias a situação é ainda mais grave. Vereadores e gestores de empresas municipais e inter-municipais, com este tipo de mordomias, são mais que muitos. Alguns com mais do que uma viatura ao seu serviço exclusivo e com motorista também, como é o caso do município de Sintra, que eu conheço bem. Há, neste município, um Vereador, nomeado muito recentemente Secretário-Geral do CDS, que tem ao seu serviço pessoal, pelo menos duas viaturas. Uma do município (Mercedes) com motorista e outra da Empresa Intermunicipal Tratolixo, SA, para além de outra que "sacou" da Sanest, quando ali foi também Administrador, durante cerca de 2 anos.Tudo isto se faz com o conhecimento, complacência e apoio do Presidente da Cãmara, Fernando Seara. Há também que ter em conta que todos os funcionários públicos, especialmente os que estão ao serviço das autarquias e empresas municipais e inter-municipais, até ao nível de Chefe de Divisão, têm direito a uso de viatura em exclusividade, incluindo aos fins de semana, com direito a combustível, seguros, etc., etc.. Os restantes funcionários, com vencimentos médios da ordem dos 600 Euros/mês, deslocam-se em transportes públicos, de casa/emprego/casa, ou recorrendo a meio de transporte próprio.Entende-se que o Presidente e Vice-Presidente dos municípios, por força da sua própria representatividade e que a Lei lhes confere, devem ter viatura de uso permanente e em regime de exclusividade, mas apenas o Presidente da Câmara é que deve ter motorista. Quero ver também as autarquias a reduzirem despesas correntes, pois trata-se do dinheiro dos nossos impostos directos (IMI; Taxas;Tarifas;Licenças, etc., etc.)
    Sintrão | 21.07.2010 | 14.01Hver comentário denunciado
  • Não desesperem caros contribuintes, são só umas pequenas mordomias!!!!!! Pagem e não se manifestem! Eu tamb´´em pago e calo-me, porque se falar sou posta na rua porque sou funcionária pública!!!!!!
    Lina | 21.07.2010 | 12.05Hver comentário denunciado
  • Portugal produz automoveis na Autoeuropa se não os comprarem criam.se mais desemprego não seja tão demagogico ... o mundo é mais complexo
    Charles | 21.07.2010 | 12.03Hver comentário denunciado
  • Até podiam ter 15, estamos e contenção de custos, deveria vir o exemplo de cima meu caro anónimo! de populismo, só vejo e continuo a ver a falta de respeito pelos de baixo.... o meu carro tem 16 anos e como tem milheres de km , ando de transportes publicos.... mas aceito um desses de 10 anos que deitaram fora!!!!!! popuismo, my ass!
    joao | 21.07.2010 | 10.19Hver comentário denunciado
  • Mais populismo, em grande força. Diga também que os carros substituidos tinham 10 anos (e milhões de quilometros) e que, ao contrário do que diz o FIFI, a sua aquisição é feita pelo valor do mercado de usados.
    anónimo | 21.07.2010 | 10.04Hver comentário denunciado
  • Até deviam trocar mais vezes mas trocando o boi de dentro para a frente do carro. Imaginem o que poupariamos em gasolina com este meio de transporte verde
    Sebastião | 21.07.2010 | 09.42Hver comentário denunciado
  • Pois é, meu caro Zé Luís, o mal talvez não esteja na aquisição de algumas viaturas novas. É lógico que a frota precisa de ser renovada, mas não para essas benesses que refere e, pior que isso, esqueceu-se de referir que esses senhores (consoante os casos) passados dois, três ou quatro anos têm o direito de ficar com os carros por um preço simbólico em relação ao seu valor de mercado. Continuamos na mesma: o problena está na pesada máquina que poderia ser reduzida, no mínimo, a um terço dessa comandita. Não me incomodo nada por ver um governante num bom carro, mas incomodo-me por ver dezenas e dezenas deles. Depois, veja-se se algum desses carros onde eles andam surge a leilão. Claro que não porque ficam para eles e para os seus amigos. Enfim, às vezes parece-me que vivo num desses países de África onde os governantes somam milhões e o povo vive da caridade internacional ou morre à fome. Como acabar com isto, não antevejo qualquer solução que não seja imposição legal ou revolução porque estes cleptomaníacos não têm vergonha nem remissão.
    FIFI | 21.07.2010 | 09.29Hver comentário denunciado
  • Isto só prova que fugir o mais possível é a atitude mais justa e razoável.
    Contribuinte à força | 21.07.2010 | 08.42H
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE