Acidente aéreo

Jovem piloto pensou rápido e salvou a vida

18 | 08 | 2010   18.06H

Moline perdeu o controlo do aparelho quando este ficou sem a asa direita mas, numa impressionante demonstração de sangue-frio, conseguiu activar o dispositivo de segurança que o trouxe tranquilamente até ao solo, mas, naquele momento, ainda não salvava a sua vida.

Isso aconteceu apenas depois de o jovem se conseguir desprender do pára-quedas e abandonar o local onde, instantes depois, o avião ardeu até apenas restar o seu esqueleto.

Mais de três mil espectadores assistiram horrorizados ao que, afinal, não passou de um enorme susto.

Rui Alexandre Coelho | rcoelho@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE